Inspirado na camisaria masculina, o chemise nasceu nos anos 50 e acabou por cair no gosto feminino, com uma modelagem mais acinturada e saia rodada. O chemise é super elegante e emagrecedor, pois cria a impressão de divisão da silhueta ao meio. ???

Agora no verão com sandálias, ou no inverno, com meia opaca e bota ou escarpin, fica incrível. O chemise ou chemisier (como também é conhecido), tem se tornado uma peça indispensável no guarda-roupa feminino.

É uma peça super democrática, prática e elegante, combina com diversos tipos de acessórios, com óculos por exemplo, ele atende a todos os estilos (românticas, clássicas, modernas, hippies).

Ele atende a todos os estilos românticas, clássicas, modernas, hippies
Ele atende a todos os estilos românticas, clássicas, modernas, hippies./foto: Loja Charmosa

Chemise, do francês camisa, que acabou tornando um clássico da moda e funcionando muito bem como peça curinga.?✨??

O chemise também é democrático: funciona com diversos tecidos, cores e estampas. Mas quem está acima do peso deve estar atenta às estampas, optando pelas mais discretas. Os modelos de mangas compridas simples também são ótimos para disfarçar braços mais grossos.

Ele também pode ser promovido de look de fim de semana à roupa de trabalho, ou para sair à noite. E a marcação com um cinto fica a seu critério: na cintura, para destacar as curvas, no quadril, para um visual mais hype, ou sem, num look mais fresh. O cinto também pode ser trocado por uma echarpe, faixa ou lenço.

Ele também pode ser promovido de look de fim de semana à roupa de trabalho, ou para sair à noite.
Ele também pode ser promovido de look de fim de semana à roupa de trabalho, ou para sair à noite./foto: Mundo Fashion Feminino

Pode ser em malha, algodão, seda, e liso ou estampado. As peças neutras são as mais fáceis de transitar entre diversos ambientes.

A dica para não errar na dose é, só deve marcar cintura com acessórios, a mulher que já tiver cintura. Ao contrário disso, a circunferência larga é enfatizada em vez de camuflada.
Uma dica é investir em modelos mais sóbrios, simples, com um bom corte, em cores neutras como preto, bege ou cinza, e então usá-los com acessórios para mudar o look.

Dessa forma você poderá vesti-lo várias e várias vezes e sempre parecerá atual e na tendência pelos próximos anos.

Variando o look com chemises ?

Cintos: a maneira mais simples e mais usada de dar um toque especial. Podem ser usados na cintura (cinto fino) para valorizar as curvas ou nos quadris(cinto mais grosso) criando uma produção mais despojada.

a maneira mais simples e mais usada de dar um toque especial.
A maneira mais simples e mais usada de dar um toque especial./foto: Barreds

Lenços: uma maneira menos óbvia e cheia de charme de incrementar o visual.

uma maneira menos óbvia e cheia de charme de incrementar o visual
Uma maneira menos óbvia e cheia de charme de incrementar o visual./foto: Perfeitinha moda e Estilo

Coletes: além de brincar com as proporções, dão um ar mais despojado e diferente.

Short: para tornar a chemise mais casual.

Saída de banho: uma opção bastante refinada para usar na praia e na piscina. Principalmente quando combinada a um chapéu bonito.

uma opção bastante refinada para usar na praia e na piscina
Uma opção bastante refinada para usar na praia e na piscina./foto: De Repente Amy

Algumas dicas legais?

Modelos volumosos: muitas mulheres optam por estas peças; inclusive, aproveitam-se de uma camisa comum. A dica, é usar um cinto, para que o visual fique mais feminino. Caso haja muito volume, evite usar a peça com saltos muito altos, pois eles irão salientar o tamanho grande.

Se o vestido chemise for transparente, será uma ótima opção para o verão, por ser mais fresquinho. Tenha cuidado, com as roupas de baixo. Prefira usar shorts, leggings e uma regata justinha, evitando constrangimentos. Caso seja em tecido simples, como o algodão, aproveite para usá-lo como saída de praia.

Chemises em seda e georgette , com transparências podem compor looks ideiais para noite combinados com acessórios poderosos e sapatos com visual mais pesado.

Você pode dar um nó ou dois do lado e transformá-lo numa camisa mais longa; usar com legging, com calça de boca mais aberta ou até mesmo, deixá-lo aberto e usá-lo como um casaco.

Você pode dar um nó ou dois do lado e transformá-lo numa camisa mais longa.
Você pode dar um nó ou dois do lado e transformá-lo numa camisa mais longa.

Quem deseja um visual mais delicado pode apostar nos vestidos chemise acinturados, que podem até dispensar os cintos.

Pode-se usar apenas o chemise, quando este for feito em tecido mais grosso, sem transparência. É como se fosse um vestido comum. Apesar de sua elegância, ele pode não cair bem em ocasiões formais. O chemise tem um aspecto mais casual.

O comprimento do vestido chemise também é variado. Quem tem as pernas compridas deve optar por um modelo um pouco maior, evitando saltos muito altos. Caso a peça seja muito curta, use uma legging e salto, pois irá disfarçar a altura das pernas.

Para ocasiões que exigem um pouco mais de elegância, aposte em um vestido chemise sofisticado, feito com tecidos mais grossos e que tenham um caimento mais sóbrio. Basta incrementar o visual com acessórios e sapatos elegantes.

Da para montar vários looks diferentes com chemises, e arrasar na próxima estação. ?✨??

Entre no papo

Compartilhar
Trabalha com WordPress, SEO, produção de conteúdo e mídias sociais. Aprecia interagir com pessoas e criou este site para compartilhar dicas que possam simplificar a vida das pessoas, nesse mundo maravilhoso que conhecemos: o universo feminino.

SEM COMENTÁRIOS

Escreva um comentário